COLONOSCOPIA: todos devem realizar preventivamente após os 50 anos!

O surgimento do endoscópio propiciou um grande avanço no tratamento das doenças gastrointestinais, uma vez que permite a detecção de úlceras, tumores (cânceres), pólipos e sítios de sangramentos ativos. Através da endoscopia podemos extrair amostras de tecidos (biópsias), remover pólipos (prevenção de câncer), dilatar áreas de estreitamento e temos a possibilidade de interromper sangramentos em atividade.

Os colonoscópios são tubos flexíveisintroduzidos através do ânus e permitem a visualização do reto e dos cólons (intestino grosso), podendo alcançar até a região final do intestino delgado (íleo).

O exame é realizado sob sedação profunda aos cuidados do anestesista e requer um período de jejum após o preparo dos intestinos. Este preparo deve ser cuidadosamente seguido e daí a importância da entrevista  pessoalmente em nossa clínica , onde saberemos das possíveis outras doenças que o paciente tenha, dos remédios que usa e quando poderemos explicar detalhadamente a dieta, as medicações para a limpeza intestinal e os detalhes de cada etapa do preparo até a saída de fezes líquidas e claras ( como se fosse urina”). O procedimento costuma ser bem tolerado, podendo o paciente ficar sem queixas ou apresentar uma sensação de flatus (“gases’) e algumas cólicas após o fim do mesmo.Estas manifestações costumam rapidamente ser controladas com uso de sintomáticos orientados por nossa equipe.

Não é permitido dirigir nas 12hrs seguintes ao exame por uma diminuição de reflexos que a sedação costuma gerar. A presença de um acompanhante idealmente entre 18 e 65 anos é necessária para a condução dos pacientes com segurança, uma vez que os mesmos podem ficar sonolentos após o exame.

Após o uso, os aparelhos de colonoscopia são submetidos a uma exaustiva lavagem mecânica, incluindo a escovação de seus canais internos. Posteriormente, são submersos em uma solução contendo desinfetantes químicos e potentes esterilizantes, capazes de matar praticamente qualquer microorganismo vivo, incluindo aí o vírus da Aids, os vírus das hepatites e bactérias patogênicas. Pesquisas na área médica revelam que a chance de uma possível contaminação é mínima, em torno de 1 em 1,8 milhões!

Pequenos também são os riscos de complicações. Estas existem por ser um procedimento invasivo, mas são baixas as taxas em vista de todos os benefícios tanto diagnóstico quanto terapêutico que a colonoscopia pode proporcionar.  Os mais temidos são o sangramento e a perfuração intestinal e estão mais relacionados a retiradas de lesões de maior magnitude, mas em último caso costumam ser controlados por cirurgia simples, caso realmente necessário. No entanto, a grande maioria dos exames transcorre em aproximadamente 1h sem intercorrências.

Nossa clínica oferece um diferencial que é a possibilidade de realização do preparo intestinal no dia do exame em uma preparada SUÍTE DE PREPARO da própria clínica, sob supervisão de nossa equipe.


Ligue para a Gastromed e saiba mais sobre esse diferencial!

Telefone : +55 (21) 3592 7674 / +55 (21) 3592 7675​​

Whastapp: +55 (21) 98839-9128

Pré-Agendamento